Cozinho, logo penso



Gostaria de deixar claro, minha intenção não é debochar, mas sim, como meu amigo diz, “pintar o quadro com as cores certas” – “deixar eufemismos de lado e tratar as coisas como elas são”. Não estou tentando ridicularizar ninguém, mas quero que fique claro que, “o fanático cegado pela religião” não sou eu! Também gostaria que aqueles que lessem esse post, não usassem essas argumentações para debochar ou confrontar pessoas, lembrando que as pessoas vêm a Cristo por arrependimento, e não pela eloqüência de argumentações ou através de debates.
--
Esse post é fruto da minha indignação pessoal, portanto o que digo, digo como “homem”, como “eu, Guilherme Adriano”.
--
Então vamos lá!
--
“Cozinho, logo penso”, é o nome da reportagem da revista VEJA de setembro, na parte de “Antropologia”. A indignação já é tanta que não posso agüentar, tive de comentar!
--
Acho fantástica a forma com que a Bíblia se refere à sabedoria do mundo: Loucura! Cada vez mais estou entendendo o porquê!
--
Este é o parágrafo de abertura da reportagem: “Richard Wrangham, o antropólogo de Harvard que já viveu como um chimpanzé, diz que o homem moderno é decorrência do uso do fogo no preparo dos alimentos. Isso garantiu os nutrientes necessários para o crescimento do cérebro.” (Agora pare e leia novamente o parágrafo em voz alta, dando ênfase a todas as palavras, e prestando atenção no que está lendo!)
--
Deixe-me ver se entendi: Harvard deve ter pagado milhares de dólares para um antropólogo viver, como diz a reportagem, “de tanga no meio do mato comendo carne crua”, a fim de descobrir como que os primatas evoluíram para homens!? Poxa, está aí um estudo que vale a pena patrocinar!
--
Em nome da ciência (Naturalista) os absurdos mais ridículos são canonizados. As pessoas realmente acham que falando ou escrevendo em termos científicos fazem as afirmações se tornarem verdadeiras, por exemplo: “...A explicação só pode ser que o homem primitivo descobriu uma fonte farta de nutrientes. Esse alimento foi a carne, o único capaz de fornecer a proteína necessária para a expansão da capacidade mental.” (Reportagem VEJA) – Em outras palavras: o primata comeu carne e o seu cérebro cresceu! (Isso sim é científico!)
--
Um pouco adiante diz: “Os hominídeos vegetarianos foram extintos, enquanto seus primos carnívoros sobreviveram e deram origem à linhagem evolutiva que produziu o ser humano moderno.” (Reportagem VEJA)
--
Em outras palavras, segundo Richard Wrangham, o homem só existe porque antigamente os macacos aprenderam a fazer churrasco. Uma vida de estudos para chegar a essa conclusão?
--
“Richard W. é um ícone da antropologia moderna.” (Sério mesmo?)
--
Aparentemente, qualquer coisa que eu disser após as palavras “a ciência comprovou que...” será acreditado!
--
“Atheistic science is the most bigoted religion. They have a god, a prophet, a bible, a faith and priests that are constantly preaching their gospel through the media” -- A ciência ateísta é a religião mais fanática e preconceituosa. Eles têm um deus, uma bíblia, uma fé e pregadores que estão constantemente pregando seu evangelho através da mídia.
--
Seu deus: Big-bang. Seu profeta: Charles Darwin. Sua bíblia: Livro - Origem das espécies. Sua fé: Teoria da evolução. Seus pregadores: Christofer Hitchens, Richard Dawkins, Sam Harris, Daniel Dannett e alguns outros ateus militantes. Eles são organizados, têm seus dogmas e sua apologia, e, como os cristãos, estão convencidos a espalhar suas “boas novas” ao redor do mundo inteiro para “libertar” as pessoas. É uma religião!
--
Então quer dizer que Richard Wrangham, Richard Dawkins e Charles Darwin são homens geniais, que desvendaram os mistérios da biologia e nos deram uma resposta coerente sobre a origem e propósito do homem; Hitler e Karl Marx tiveram grandes idéias, que, por mais que destruíram a humanidade, na sua essência, eram ótimas filosofias, dignas de reflexão; Bill Gates e Donald Trump, dois homens que com suas riquezas particulares, matam milhares de seres humanos de fome por dia, são exemplo de seres humanos bem sucedidos; as pessoas mais admiradas desse mundo são as mais injustas, loucas e malvadas! Eu me pergunto: E Jesus Cristo? Ah não, esse era louco; esse, pelo que disse, deveria morrer! “Crucifica-o, crucifica-o!”. Vamos admirar e imitar qualquer um, menos Jesus Cristo, pois Ele, OBVIAMENTE não estava falando a verdade, É ÓBVIO que Ele estava louco! É CLARO que Deus não existe, e se existe, NÃO PÔDE ter sido Jesus, só não vê quem não quer!
--
A situação é esta que o professor, se não me engano, de teologia e filosofia de uma grande universidade dos Estados Unidos, Ravi Zacharias, propôs sobre o pensamento moderno em seu livro “Jesus entre os outros deuses”: “Filosoficamente, pode-se aceitar tudo, contanto que não se chame de” verdade”. Moralmente, pode-se fazer de tudo, contanto que ninguém afirme que “esta é a melhor maneira”. Religiosamente, pode-se acreditar em tudo, contanto que o nome de Jesus não seja invocado.
--
Gostaria de lhes propor algo. Faça uma lista de pessoas que vocês admiram e o porquê de vocês as admirarem. Se você não conhece Jesus, há uma grande possibilidade de essa sua lista acabar sendo uma lista de criminosos, corruptos, idólatras, vaidosos e mulherengos, e também de os atributos e virtudes que vocês valorizam e admiram nessas pessoas, serem pecados de cobiça, lascívia e soberba!
--
Quem você admira? Quem são seus heróis? E por que o são? Avalie-se, veja se o que você anda chamando de “bem” condiz com o que Deus chama de “bem”.
--
Algumas pessoas já gozaram da minha cara quando disse que acreditava na historinha de Noé e sua arca, ou da serpente que falava. “Fala sério, você realmente acredita que os bichinhos entraram no barquinho de Noé, ou que uma serpente que andava enganou uma mulher? Que ridículo!”. Pois é, hoje, me rebaixo a esse nível, e respondo à altura: “Você realmente acredita que um bichinho do espaço caiu na água e virou peixe? Depois saiu da água, descobrindo que sabia respirar, decidiu ficar na terra mesmo, e depois de muito tempo virou um sapinho? Que depois virou réptil? Que o macaquinho aprendeu a fazer churrasco, e de tanto comer carne seu cérebro cresceu, E HOJE ESTAMOS AQUI!?
--
Ah, claro, isso faz muito mais sentido!
--
“a sabedoria do mundo é loucura para Deus”
--
“o homem inculcando-se por sábio se torna louco e nulo nos seus próprios raciocínios.”
--
Antes que Jesus Cristo volte, abra mão de sua sabedoria e se entregue à simplicidade do Evangelho, que segundo a Bíblia, é o poder de Deus para salvar o mundo! Que Deus nos abençoe e nos acorde de sono da morte!

Comentários

Anônimo disse…
It is amazing!!Mas como vc disse - penar doi, eh mais facil aceitar as coisas que vem em pacotes e que todo mundo aceitas assim nao se fica por fora do que eh "IN"
Jesus' sheep disse…
"Que o macaquinho aprendeu a fazer churrasco, e de tanto comer carne seu cérebro cresceu, E HOJE ESTAMOS AQUI!?" . Boa mano! Se fosse assim os gaúchos seriam os cara mais inteligentes e evoluídos da face da terra! ahhahahahhahahah....Seria cômico se não fosse trágico.