The fim of the mundo!

Gostaria de escrever, antes de começar o texto, que tenho certeza de que muitos me terão por louco após a leitura do texto, mas também gostaria que, aqueles que assim o fizerem, pelo menos saibam diferenciar a minha “loucura” das outras, pois há vários tipos de loucos por aí, e não gostaria de ser confundido com um louco qualquer, faço questão de ser posto na categoria de loucos que disseram: “E a Bíblia estava certa!”.
---
Ora! Se o senhor Richard Dawkins diz que “simplesmente não existe evidência suficiente para crer que há um Deus” e é levado a sério; se o senhor Edir Macedo diz que não rouba dinheiro e é acreditado, então também quero meu direito de ser levado a sério e acredito!
---
Se a loucura de gente assim foi levada a sério, então peço que por favor, escutem o que eu tenho a dizer, ou melhor, leiam o que tenho a escrever, e considerem, afinal de contas, posso não estar tão louco assim.
--
Deixem o preconceito intelectual de lado e considerem essas palavras, pois se forem comprovadas falsas, serão somente palavras de mais um louco que se perderão com o tempo, mas se forem comprovadas verdadeiras, então muitos estarão encrencados!
--
“O fim do mundo está próximo!”. Eu afirmo que essa frase é vítima de preconceito. Quando se fala em fim do mundo, normalmente figuras apocalípticas e monstros surgem na imaginação de muitos. Mesmo eu conhecendo a verdade, e sabendo que o apocalipse é a descrição de Deus do fim, quero que, por agora, esqueçam o livro de apocalipse e suas figuras. Quero mostrar aos céticos, ateístas/humanistas…e outros que tem a mente assim atrofiada pela teimosia, que o fim do mundo é algo lógico e iminente.
---
Primeiro ponto: Tudo que está contido no universo está sujeito ao tempo e ao espaço, portanto tudo que teve um começo, nesse universo, terá um fim; de gigantescas estrelas e galáxias à menor forma de vida, tudo que uma vez passou a existir (repito, nesse universo) terá um fim. Portanto, dizer que o fim do mundo é um dia/evento/tragédia, que virá a acontecer, cientificamente falando é óbvio, um dia esse planeta deixará de existir.
---
Segundo ponto: Não precisamos buscar na Bíblia para saber que o fim está próximo, basta observar o que acontece com o nosso planeta e tirar conclusões. Nossa água potável está acabando, na verdade, está com os dias contados, e isso não é opinião minha. O meio ambiente está morrendo, bom, estamos matando-o. Os recursos extraídos da natureza estão acabando, um dia não haverá mais matéria prima, e a não ser que aprendamos a reciclar água e criar sementes “exnihilo” (do nada), continuaremos com sérios problemas.
---
Uns podem dizer: Mas isso só acontecerá daqui a muito tempo, eu nem estarei mais aqui para ver isso acontecer! Minha pergunta é: Será? Cientificamente falando, será que o nosso planeta agüenta mais muito tempo nesse ritmo? Há uns anos atrás, antes do ano 2000, falava-se de um futuro catastrófico que estava para acontecer em algumas centenas de anos, hoje, em apenas nove anos, essas centenas de anos diminuíram para décadas, em apenas nove anos caímos um dígito! E daqui a mais nove anos, esse futuro catastrófico estará a quanto tempo de distância? Daqui a nove anos, de quanto tempo a comunidade científica e do meio ambiente estará falando?
--
Reparem, não estou me referindo à Bíblia nem a nada que requer fé, estou falando do fim como uma realidade inevitável e aceita por toda comunidade científica: a extinção dos recursos naturais e a morte biológica desse planeta. “O planeta está morrendo, assim como nós morreremos, ele também morrerá!”. Essa frase é do documentário “Uma verdade inconveniente” de Al Gore, onde ele mostra que nos últimos 20-30 anos destruímos a terra mais do que todas as civilizações antigas juntas em mais de 1900 anos de história!
--
Para evitar a morte biológica do planeta, somente um movimento mundial de desindustrialização, preservação completa do meio ambiente e conscientização global dos seres humanos, mas “cá entre nós”, esse tipo de fé nem Jesus tinha, há mais probabilidade de o mundo acabar ontem do que isso acontecer!
--
Para agravar temos ainda o problema do aquecimento global e o tempo de vida do nosso sol, o que são problemas incontroláveis e irreversíveis!
--
Portanto o mundo vai acabar? Claro que sim! Ainda temos muito tempo? Não!
--
Creio que todos, pelo menos a esse ponto, crêem que “o fim do mundo está chegando”, a questão é, “como” e “porque” ele vai acabar? Creio que há somente duas possibilidades de respostas para essa pergunta: Deus o destruirá por causa do pecado. Ou: Ele acabará pelo simples fato de existir.
--
No que você acredita? Na versão natural ou na sobrenatural?
--
Se você não acredita na versão deística do fim, considere algumas coisas:
--
Um colega meu uma vez me disse durante uma conversa de MSN: “...Jesus só disse o óbvio! Que o mundo acabaria, afinal, tudo se acaba, e disso todos nós sabemos!”. Isso é verdade! Mas se Jesus estava apenas dizendo o óbvio, então gostaria que alguém me explicasse como que Ele fez para descrever os eventos do fim com tanta precisão? Como que Ele poderia saber o que aconteceria, exatamente, no futuro? Pois uma coisa é dizer que o mundo vai acabar, como muitos no passado fizeram, agora outra é descrever “como” ele vai acabar, e estar certo! Como que Jesus pôde descrever, naquela época, com tanta precisão o que está acontecendo hoje? Ou Ele sabia como o mundo acabaria, ou Ele deu mais de cinqüenta palpites aleatórios e acertou todos sistematicamente! Pela lógica das probabilidades, o que é mais lógico?
--
“Quando uma porção de coincidências acontece sucessivamente, a ciência a interpreta como um plano, e não mais como casualidades.” (Adauto Lourenço).
--
Segue algumas passagens que me fizeram pensar a respeito do que Jesus disse sobre o fim:
--
Esta é uma compilação de versículos de Mateus 24 (Sermão profético), aqui Jesus conta a seus discípulos o que há de acontecer antes que o fim venha.
“E, estando assentado no Monte das Oliveiras, chegaram-se a ele os seus discípulos em particular, dizendo: Dize-nos, quando serão essas coisas, e que sinal haverá da tua vinda e do fim do mundo?
¶ E Jesus, respondendo, disse-lhes: Acautelai-vos, que ninguém vos engane; Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos…(mais a frente no versículo 23) “Então, se alguém vos disser: Eis que o Cristo está aqui, ou ali, não lhe deis crédito; Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, se possível fora, enganariam até os escolhidos.”
--
Pois não é exatamente o que acontece nos dias de hoje? “Venha para a Igreja (...) e tenha um encontro com Jesus!”. “Venha e veja, Cristo está aqui, venha entrar nessa onda!”. “Jesus quer fazer milagres na sua vida, venha “tal dia” à noite no culto de (...) e tenha um encontro pessoal com ele!”. “Venha..que o Cristo está aqui’’ !
--
Essa profecia vem se provando verdadeira, pois cada vez que ligo a TV vejo-a se cumprindo através da boca de tele-evangelistas! Coincidência? Talvez sim, talvez não!
--
Mas não acaba por aí...
--
Versículos 6 e 7: “ E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim. Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino…”
--
Guerras, mundiais e civis, sempre houve e sempre haverá, enquanto seres humanos existirem sempre haverá guerra. Mas seria loucura pensar que teremos uma terceira guerra mundial que poderá desencadear o fim dos tempos? Primeiro, para aqueles que conhecem o mundo islâmico não é nenhuma loucura afirmar, com certeza absoluta, que, muito em breve, teremos mais uma guerra. Besteira minha? Assistam com calma aos vídeos abaixo e tirem suas conclusões.
--




--

Descubram o que é o Islã e o que ele pretende, e então entendam porque eles são uma ameaça para todo o resto do mundo! O YouTube está repleto de vídeos confiáveis sobre o que é o Islã, um bom é o documentário “Obssessão. A Guerra do Islã Radical contra o Ocidente”. Está disponível para download na internet, e para assistir no Youtube!
--
Mas vamos continar...
--
Continuação do versículo 7: “e haverá fomes, e pestes…”
Se eu começasse a escrever sobre o assunto “fome” tomaria um post inteiro, mas creio que é um problema com o qual todos estão familiarizados, mas a questão das pestes é uma muito interessante, por acaso o mundo não está sofrendo diante uma epidemia generalizada? E se isso não fosse o bastante, gostaria de destacar um aspecto dessa epidemia que é muito interessante. Quem está sendo mais afetado com essa gripe? “O que se sabe é que mulheres grávidas vêm morrendo durante a pandemia da doença” – “Há relatos de mais mortes relacionadas a gripe entre grávidas” – “Especialistas em Saúde consideraram que as grávidas podem ter complicações graves” – “As mulheres grávidas e os pais com bebês deverão evitar multidões e viagens desnecessárias em transportes públicos” – “A directora-geral da Organização Mundial de Saúde, Margaret Chan, alertou quinta-feira para o risco acrescido a que estão sujeitas as mulheres grávidas em caso de contaminação pelo vírus da gripe A.” Todas essas notícias foram retiradas de jornais e blogs de notícias! Mas e daí, as grávidas estão morrendo em maior quantidade, qual é o aspecto interessante nisso? Jesus, um pouco mais à frente, no versículo 19 diz: “Mas ai das grávidas e das que amamentarem naqueles dias!”.
--
Assustadoramente significativa essa passagem não?
--
Eu confesso que posso estar fazendo um GRANDE erro de interpretação com essa passagem sobre as “grávidas”, me arrisco em interpretá-la assim, portanto não posso afirmar nada além de: Pode ser que sim, pode ser que não, mas faz sentido!
--
Continuação do versículo 7: “e haverá fomes, e pestes, e terremotos, em vários lugares.”

“O terremoto de Sichuan de 2008 foi um violento sismo que abalou a zona de Wenchuan, na província de Sichuan, na República Popular da China … em 12 de Maio de 2008. De magnitude 8,0 na Escala de Richter, de acordo com o Centro de Pesquisas Sismológicas da China e o United States Geological Survey. O sismo foi sentido em localidades tão longínquas quanto Beijing e Xangai, onde edifícios de escritórios balançaram com o impacto, Paquistão, Tailândia, e na capital do Vietnã, Hanói. A maior cidade próxima ao epicentro do terremoto é Chengdu, capital da província de Sichuan.” (Wikipedia).
--

--
Não muito tempo depois...Terremoto na Itália!
--

--
Houve uma época que, durante uma semana, eu acompanhei em jornais online notícias de terremotos pelo mundo, por uma semana todos os dias houve terremotos na região da Ásia, que, provavelmente, foram desencadeados pelo grande terremoto de Sichuan!
--
Tem mais...
--
Versículo 9: “Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.”
--
Algumas notícias, apenas o título, já dará uma breve idéia! “Radicais Islâmicos decapitam quatro trabalhadores cristãos na Somália” – “Hamas restabelece a crucificação de cristãos na faixa de Gaza” – (Times Online) “Extremistas Hindus dão dinheiro, comida e álcool para multidões que matarem cristãos e destruírem suas casas” – “Extremistas hindus oferecem 250 moedas locais para a morte de um cristão” – “Homem cristão, estuprado e morto por ter recusado a se converter ao Islã!” – e as noticias não param! (Fonte, ChristianHeadlines, Timesonline e outros jornais, de maioria britânica).
--
Ainda mais...
--
Em Lucas 21.25, Jesus trata do mesmo assunto, o fim, e diz: “..e na terra angústia das nações, em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas.”
--
“Um terremoto no oceano Índico ocorreu em 26 de Dezembro de 2004 , por volta das oito da manhã na hora local da região de seu epicentro, em pleno oceano,... O abalo teve magnitude sísmica estimada primeiramente em 8,9 na Escala de Richter, posteriormente elevada para 9,0 sendo o sismo mais violento registrado desde 1960 e um dos cinco maiores dos últimos cem anos. Ao tremor de terra seguiu-se um tsunami de cerca de dez metros de altura que devastou as zonas costeiras. O tsunami atravessou o Oceano Índico e provocou destruição nas zonas costeiras da África oriental, nomeadamente na Tanzânia, Somália e Quénia.”
--

--
Ondas gigantes, guerras, doenças, terremotos, perseguições...isso está me cheirando a algo, e não é um avanço em pró da humanidade.
--
A questão é: Jesus disse que todas essas coisas aconteceriam e elas estão acontecendo! Coincidência?
--
Leitores, ou Jesus era louco ou Ele era Deus, a resposta final só teremos depois de morrer. “Façam suas apostas”.
--
Palavras finais: Com esse post, não quero alimentar fantasias apocalípticas e causar discussões sobre o fim, mas quero mostrar como Jesus foi preciso com suas profecias, e também fazer um apelo: Acordem! Abram os olhos, a Bíblia está se cumprindo na nossa frente e ninguém percebe! Jesus está voltando, assim como Ele disse, “que depois de todas essas primeiras dores viria o fim”.
--
Que Deus nos abençoe e venha logo!

Comentários

Don disse…
"aquele que tem ouvidos que ouça"
Octavio Henrique disse…
está ae pra quem QUER ver (:
Anônimo disse…
Olha, já entrei nesse blog uma vez e fiz uma crítica porque não concordei em nada com o que foi falado, hoje fui levado a abrí-lo novamente, e gostei muito desse estudo do fim dos tempos. Temos os nossos pensamentos e idéias distintas, claro somos diferentes e iguais em nossas diferenças, mas a Palavra de Deus é única e verdadeira, e nela vi que ambos cremos.